Acerca de mim

A minha foto
Who am I? who cares? no matter. He knows who I am, and that, yes, that cares...

domingo, janeiro 14, 2007

Até já... Ernestina!

Hoje pela terceira vez em cinco meses voltei a acompanhar um funeral...
Tal como à cinco meses atrás, fui para visitar uma doente em SO, na tentativa de que nem que fosse em pensamento, pudesse acontecer a Salvação... mais uma vez pensava eu em meu coração: orarei, e, o doente, ainda que parecendo que não ouve, poderá ouvir, e, decidir se quer aceitar o Senhor Jesus Cristo como seu Senhor e Salvador...
Pura ilusão... mais uma vez cheguei tarde.
Há cinco meses atrás foi o tio do meu marido.
Ontem foi a Ernestina, avó da Isabel Cristina, ex-colega de universidade.
Hoje, hoje foi o acompanhar de um corpo para que se torne em pó, como do pó veio.
Mais triste do que o panorama da morte, foi o panorama dos vivos... apenas a neta, uma tia, dois primos (familia=4), e, dez pessoas estranhas à família. Éramos 14 pessoas ao todo.
Mais ninguém. Nem colegas da neta, nem os inúmeros supostos amigos da neta, nem outros tantos inúmeros indivíduos que poderiam ter ido mas não foram.
Não tenhamos ilusões: eu também tinha muito que fazer, e, também estive em conflito. Pesou o lado afectivo, o humano.
Ainda.
No que estamos nós a tornarmo-nos?
Temos prazos, tarefas, não podemos parar... para ninguém.
O que faremos, também receberemos.
Daqui a uns anos seremos piores que animais. Fechados, sem saber lidar com afectividade, porque nunca termos sequer teremos aprendido a o ser...
Perdemos tempo em questionar: quem tem a culpa?
Tu, tu tens a culpa, dizemos.
Tal como foi feito com Cristo.
A culpa é sempre do outro, ninguém é co-responsável.
Já não tenho paciência quando me acusam de algo. Não gostam de mim, paciência. Gostam de mim, paciência também.
Hoje é um desses dias.
Em que a minha emoção está lá embaixo.
Ainda assim...
Obrigada Senhor pela Tua Infinita Misericórdia, de todos nós, egoístas, individualistas, juízes de ninguém e de todos.
Obrigada por tudo...
e... já agora... Até já... Ernestina!
"Uma coisa faço,
esquecendo-me das coisas que para trás ficam,
e,
avançando para as que estão à frente de mim,
prossigo para o Alvo,
pelo Prémio da Vocação Soberana de Deus
em Cristo Jesus"
Filipenses 3:13-14
Tinoca Laroca

5 comentários:

alealb disse...

interessante que no meu ultimo post no blog destaco isto... como são os seres humanos...
é paradoxal demais...
e nos faz pensar em como devemos dia a dia depender mais de Deus...
beijos,
alê

Anónimo disse...

É verdade Alé...
God bless you.
T.

soffs disse...

A unica coisa que nós seres humanos podemos fazer, é continuar, seja para onde for...continuar

Marlene Maravilha disse...

Sim querida, prossigamos para o alvo, o resto é com Cristo. A começar em nós, façamos diferença nesta selva de pedra que está o mundo. Entendo perfeitamente o que dizes. Alguns anos atrás fui acompanhar um funeral, somente eu e o morto. Mais ninguém. Podes imaginar isso?
beijos

Tinoca Laroca disse...

Sofia e Marlene,
obrigada pelos comentários.
God bless you.
T.