Acerca de mim

A minha foto
Who am I? who cares? no matter. He knows who I am, and that, yes, that cares...

quarta-feira, março 22, 2006

Procura-se... Alguém...

Ontem à noite, quando regressava da escola, recebi uma sms da "São" que dizia:"QUnDoqEVOLTaca".
Antes de continuar tenho que vos apresentar a "São":
A "São" é uma amiga de quarenta e tantos anos. Uma excelente profissional de contabilidade.
A "São" é uma AMIGA que me ajudou há uns tantos anos atrás quando eu dava os meus primeiros passos na profissão. Conhecemo-nos numa formação, e, mesmo sem me conhecer de lado nenhum, deu-me a "mão".
Nunca fomos de andar na casa uma da outra. Nem de nos bajularmos. Talvez seja fruto da nossa profissão. Somos em algumas coisas muito "lógicas", muito "racionais", muito "objectivas", e, principalmente, muito "ocupadas".
Mas, quando uma ou outra precisava... estavamos lá. Uma ou outra.
Iamos sempre juntas a todas as formações de Contabilidade. Mantinhamos assim as nossas noticias em dia. Concorrentes profissionalmente, mas sem que sequer isso algum dia tivesse sequer ocorrido em nossas mentes. Se fosse preciso, uma sabia que a outra saía do seu escritório para ir para o escritório da outra ajudar. Sem compromissos, sem pagamentos, sem exigências.
No ano de 2005, a "São" teve um AVC. Esteve em coma. Eu só o soube dois meses mais tarde quando ela saíu do hospital e pediu que me ligassem.
Foi um grande choque para mim. Quer pela mulher versátil, profissional, independente, guerreira, que ela era, quer pelo estado físico em que a encontrei.
Visitei-a algumas vezes. Entretanto devido à nossa profissão, à faculdade, à familia, aos imensos afazeres (alguns que são necessários mas que me desgastam, consomem, e, preenchem), tenho mantido o contacto apenas via sms e por postais. O meu marido mantem-se em contacto com uma irmã da "São".
Ontem à noite recebi então a sms:"QUnDoqEVOLTaca", que traduzido, significa: "Quando é que voltas cá?"
É que a "São" ficou com lesões neurológicas do AVC, quer a nível do discurso, quer a nível motor.
Senti-me angustiada, estúpida, culpada. Respondi-lhe pedindo perdão, e descrevendo os motivos pelos quais ainda lá não voltei (há 7 meses), ao que ela respondeu: "VemQUANDOpoderesBEIJS".
É triste "mendigar-se" uma visita. Mais vergonhoso é para mim alguém me mendigar uma visita.
Deixo aqui hoje a minha homenagem à minha AMIGA "São", assim como, a minha reflexão, sobre o modo como organizo a minha vida, e, a atenção que dispenso ao que realmente é importante.
Em Provérbios 17:17 está escrito: "Em todo o tempo ama o amigo, na ângustia nasce o irmão"
Pensei para comigo mesma:
Talvez...
Valha a pena...
Meditar nisto!
Tinoca Laroca

3 comentários:

Paula disse...

Acho que vale mesmo a pena meditar-se nisso e n és só tu.

Luis Castanheta disse...

À parte da tua sincera homenagem, diz-me.
Olho no olho.
Já decidistes qual o dia em que lá irás ?
É que amanhã pode ser tarde demais.

Tinoca Laroca disse...

Olho no olho: É verdade Luis. Decidi ir lá este final de semana que passou. Entretanto ela decidiu que viria ela a minha casa, o que não se proporcionou, talvez pelo estado de saúde dela.
Uma vergonha para mim, ser ela a decidir visitar-me.
Obrigada pelos vossos comentários.
T.